quinta-feira, 10 de julho de 2008

Profissão Perigo
Estamos inaugurando a série Profissão Perigo mostrando a rotina dos retratistas que não se contentam só com o perigo do fim de mês e arriscam a vida pelo melhor retrato. Vamos começar com o retratista Felipe "homem aranha" de Souza do Diário do Vale que ficou alto pela primeira vez na vida quando escalou uma torre para fotografar combustíveis adulterados em Barra Mansa. Na hora de descer, o filhinho se enrolou e os Bombeiros forão mobilizados para o resgate. Um Filhinho em Profissão Perigo!!!

2 comentários:

Por Carol Macedo disse...

Ficou alto pela primeira vez na vida... ahahahah... essa foi a melhor de todas...Desculpe amigo Felipe, mas tá engraçado.

Chrystine disse...

Até que enfim Felipinho "agora micro empresário" levantou a bunda do carro e exerceu sua profissão de retratista...